ANÁLISE DE VÍDEOS E ANIMAÇÕES PARA O ENSINO DE CIÊNCIAS

Laura José Luz, Alice Teixeira da Silva, Maria Lusia de Morais Belo Bezerra

Resumo


As tecnologias de informação e comunicação tem o potencial para promover transformações nas formas de ensinar e aprender Ciências, e os vídeos e animações surgem como ferramenta didática auxiliando tanto o aluno quanto o professor. O presente trabalho visou analisar vídeos e animações com abordagem do tema respostas inflamatórias, quanto à qualidade e possibilidade de uso pedagógico no ensino de Ciências. Foram selecionados sete vídeos e três animações disponíveis em sites da internet e analisados seguindo critérios descritos na literatura. Observou-se que as animações mostraram-se rápidas, com conteúdos adequados, figuras claras combinadas com as palavras e sons de boa qualidade. Mas apenas A1 e A3 se apresentam adequadas para uso pedagógico. Nem todos os vídeos se apresentaram com boa qualidade de sons, imagens e áudio, bem como coerência entre o que era falado na apresentação visual e o conteúdo de livros didáticos. No entanto, são bons métodos para uso pedagógico tanto no ensino fundamental como no médio, com destaque para os vídeos V6 e V7, que em relação ao conteúdo apresentaram qualidade cientifica e clareza. Foi possível constatar que há na internet, mesmo que com escassez, materiais didáticos de boa qualidade disponíveis para auxiliar o professor na abordagem do tema inflamação e contribuir com a aquisição de conhecimento pelos alunos, contribuindo assim para o ensino de ciências.


Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.