Movimentando a Lei nº 10639/03 na integridade da escola à luz da pretagogia: uma experiência potencializadora no Cariri cearense

Samuel Morais Silva, Sandra Haydée Petit

Resumo


O presente artigo propõe-se apresentar uma experiência relativa à educação para as relações étnico-raciais, numa escola da rede municipal de ensino no Cariri Cearense. O objetivo dessa proposta de trabalho, significa um esforço no sentido da efetivação da Lei Nº10.639/03, que institui a obrigatoriedade do ensino da história e cultura africana e afro-brasileira nas escolas. Para a realização desse trabalho, buscamos fundamentar as vivências-intervenções na Pretagogia, referencial teórico-metodológico de matriz africana que está sendo construído por pesquisadoras(es)-educadoras(es), na perspectiva de fomentar práticas educativas concretas para uma educação antirracista, valorização da cosmovisão africana e afro-brasileira, contribuindo para a implementação da citada lei na matriz curricular das escolas. 


Palavras-chave


Lei nº10.639/03. Pretagogia. Matriz Curricular. Escola.

Texto completo:

PDF

Referências


FARIAS, Kellynia; PETIT, Sandra Haydée. Pretagogia, pertencimento afro e os marcadores das africanidades: Conexões entre corpos e árvores afroancestrais. In.: PETIT, Sandra Haydée; MACHADO, Adilbênia Freire; ALVES, Maria Kellynia Farias (orgs.). Memórias de Baobá II. Fortaleza: Edições UFC, 2015.

BRASIL. DCN’s para a educação das relações étnico-raciais e para o ensino da história e cultura afro-brasileira e africana. Brasília: Ministério da Educação, 2004.

CUNHA Jr., Henrique. Africanidade, afrodescendência e Educação. Educação em Debate. Fortaleza, Ano 23, v. 2, nº 42, 2001.

GUSMÃO, Neusa Maria Mendes de. A Lei Nº 10 639/2003 e a formação docente: Desafios e conquistas. In: JESUS, Regina de Fátima de; ARAÚJO, Mairce da Silva; CUNHA Jr., Henrique. Dez anos da Lei nº 10.639/03: memórias e perspectivas. Fortaleza: Edições UFC, 2013.

MUNANGA, Kabengele. Apresentação. In: MUNANGA, Kabengele (Org). Superando o racismo na escola. 2. ed. revisada. Brasília: MEC/SECAD, 2005.

PETIT, Sandra Haydée. Pretagogia: Pertencimento, Corpo-Dança Afroancestral e Tradição Oral Contribuições do Legado Africano para a Implementação da Lei 10.639/03. Fortaleza: Editora UECE, 2015.

__________. SILVA, Geranilde Costa e. Pretagogia no chão da escola: práticas e pressupostos. In: CUNHA Jr., Henrique... [et al.]. Artefatos da cultura negra no Ceará (2013): formação de professores: 10 anos da lei nº 10.639/2003: cadernos de textos. Fortaleza: Gráfica LCR, 2013.

MEIJER, Rebeca de Alcântera e Silva. Valorização da cosmovisão africana na escola: Narrativa de uma pesquisa-formação com professoras Piauienses. Doutorado (Doutorado em Educação) – Faculdade de Educação, Universidade Federal do Ceará, 2012.




DOI: http://dx.doi.org/10.28998/2175-6600.2019v11n23p543-554

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - Não comercial - Sem derivações 4.0 Internacional.

_________________________________________________________________________________________________________________________

CONTATO:

E-mail: debatesemeducacao@gmail.com

Universidade Federal de Alagoas – UFAL
Centro de Educação – CEDU
Programa de Pós-graduação em Educação – PPGE
Campus A. C. Simões
Av. Lourival Melo Mota, s/n - Tabuleiro do Martins
57072-900 - Maceió - AL, Brasil.
Telefone: +55 82 3214 1196
Link: http://www.seer.ufal.br/index.php/debateseducacao/

ISSN ELETRÔNICO: 2175-6600

DOI (Digital Object Identifier - Identificador de Objeto Digital)

Em 14 de dezembro de 2017, a Revista Debates em Educação passou a atribuir o DOI às suas publicações, padrão para identificação de documentos em redes digitais. 

Prefixo: 10.28998/2175-6600

QUALIS/CAPES (2013 - 2016):

– Ensino B1
– Interdisciplinar B4
– Letras / Linguística B4
– Psicologia B4
– Comunicação e Informação B4
– Sociologia B4
– Educação B5

PERIODICIDADE – QUADRIMESTRAL

De 2009 a 2016, a periodicidade da Revista Debates em Educação era semestral. A partir de 2017, a revista se tornou quadrimestral, de acordo com as datas abaixo:

– Primeiro quadrimestre: jan./abr. - limite para publicar a edição 30 abril.
– Segundo quadrimestre: maio/ago. - limite para publicar a edição 31 agosto.
– Terceiro quadrimestre: set./dez. - limite para publicar a edição 31 dezembro.

Os dizeres acima dizem respeito somente à data de publicação da edição e não ao envio de artigos.

O recebimento de artigos caracteriza-se por fluxo contínuo sem que seja possível prever a data de sua publicação.

________________________________________________________________________________________________________________________

A Revista Debates em Educação foi contemplada com o Edital Fapeal Nº 5/2016 Apoio à Editoração e Publicação de Periódicos Científicos e com o Edital Fapeal Nº 9/2018 Apoio à Editoração e Publicação de Periódicos Científicos.

________________________________________________________________________________________________________________________

A Revista Debates em Educação está indexada nas seguintes bases científicas.

 

. Open Journal Systems (OJS);

. Portal de Periódicos da Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES);

. Sistema Regional de Información en Línea para Revistas Científicas de América Latina, el Caribe, España y Portugal (Latindex);

. Citas Latinoamericanas en Ciencias Sociales y Humanidades (CLASE);

. Directory of Open Access Journals (DOAJ);

. Indice de Revistas de Educación Superior e Investigación Educativa (IRESIE);

. European Reference Index for the Humanities (ERIH);

. Google Scholar;

. Clasificación Integrada de Revistas Científicas (CIRC);

. Periódicos de livre acesso (LivRe);

. Red Iberoamericana de Innovación y Conocimiento Cientifico (REDIB);

. Sumários de Revistas Brasileiras (Sumários.org);

. Journals for Free (J4F);

. Information Matrix for the Analysis of Journals (MIAR);

. Directory of Research Journals Indexing (DRJI);

. Elektronische Zeitschriftenbibliothek (EZB);

. Bielefeld Academic Search Engine (BASE);

. World Catalog (WorldCat);

. Finna | Satakunta University of Applied Sciences Library.

 

               

_________________________________________________________________________________________________________________________

Licença Creative Commons

Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Internacional.