A IMPORTÂNCIA DA FORMAÇÃO DO PROFESSOR FRENTE AO TRANSTORNO DO ESPECTRO AUTISTA – TEA: ESTRATÉGIAS EDUCATIVAS ADAPTADAS

Mirelly Karlla da Silva, Elizete Santos Balbino

Resumo


As estratégias educativas adaptadas direcionadas para o desenvolvimento da aprendizagem de crianças com Transtorno do Espectro Autista- TEA requerem uma transformação que proporcione o avanço das inúmeras habilidades dos alunos com TEA. Sendo assim, as mesmas devem ser desenvolvidas visando romper as maiores dificuldades e o estágio no qual a criança com TEA se encontra porque as atividades adaptadas devem despertar o interesse do aluno fazendo com que este se encontre estimulado para que desta forma, ocorra uma evolução contínua no processo ensino-aprendizagem. Esta pesquisa tem como objetivos analisar a importância da formação do professor frente à criança com TEA e investigar o uso de estratégias educativas adaptadas como meio facilitador da aprendizagem da criança com TEA. A metodologia utilizada é bibliográfica e de campo, de natureza qualitativa e para a coleta de dados utilizamos uma entrevista semiestruturada com três professoras que têm em suas salas de aulas alunos com TEA. Os resultados apontaram que quando o professor possui uma boa formação e está sempre em contínuo aprendizado, o mesmo se encontrará apto para trabalhar em sua sala de aula novas metodologias de ensino-aprendizagem. Os resultados indicaram ainda que, quando o docente faz uso de estratégias educativas flexíveis ele proporcionará de fato aos seus alunos com TEA um maior avanço nas habilidades educacionais.


Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.