CENÁRIO DAS CRIANÇAS COM A SÍNDROME CONGÊNITA DO ZIKA E SUAS FAMÍLIAS EM MACEIÓ: caminhos para construção de políticas educacionais

Elisangela Leal de Oliveira Mercado

Resumo


O presente estudo se dedicou a identificar o cenário de crianças com a Síndrome Congênita com Zika e suas famílias em Alagoas, em especial as crianças residentes no município de Maceió, com o intuito de provocar o poder executivo para elaboração de políticas públicas que garanta a estas crianças o direito à Educação Infantil. Este estudo está baseado em pesquisa bibliográfica e análise documental das tabelas de notificação da Secretaria de Estado da Saúde de Alagoas, Fichas sociais do Hospital Hélvio Auto e Boletim Epidemiológico do Ministério da Saúde. A literatura consultada e análise dos documentos coletados levam a conhecer as particularidades de cada criança e sua família, a fim de que sejam traçadas políticas educacionais voltadas a inclusão escolar nas instituições de Educação Infantil. Os resultados apontam que criar políticas educacionais permitirá garantir a creche para as crianças, com a oferta do Atendimento Educacional Especializado (AEE) e profissional de apoio escolar, garantindo as mães o retorno à sala de aula e ao mercado de trabalho.


Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.