AS VIVÊNCIAS DE CRIANÇAS USUÁRIAS DE IMPLANTE COCLEAR: a perspectiva da família

Marília Vieira Cavalcante, Ivanise Gomes de Souza Bittencourt

Resumo


Este estudo tem como objeto a perspectiva da família sobre as vivências de crianças usuárias de Implante Coclear (IC). O IC caracteriza-se como um recurso para o tratamento da deficiência auditiva, além de proporcionar o desenvolvimento de habilidades comunicativas de crianças com surdez. A pesquisa tem como objetivos: descrever as vivências de crianças usuárias de IC; conhecer a perspectiva da família em relação a criança usuária de IC; apresentar o percurso no acesso aos serviços de saúde e na inserção na escola; evidenciar o papel do enfermeiro como um profissional em potencial para a detecção precoce de alterações auditivas. Trata-se de um estudo qualitativo, do tipo narrativa de vida. Será realizado com 10 famílias de crianças usuárias de IC. A técnica utilizada será a de entrevista narrativa. As entrevistas serão gravadas e transcritas para facilitar a reflexão sobre o tema abordado. Os dados serão submetidos à análise temática de conteúdo. A partir dos resultados desta pesquisa, espera-se contribuir no fortalecimento da discussão a respeito das vivências de crianças usuárias de IC, seu percurso no acesso aos serviços de saúde e na inserção escolar, além de evidenciar o papel do enfermeiro como um profissional em potencial para a detecção precoce de alterações auditivas e no processo de reabilitação.


Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.