ANTROPOFAGIA PÓS-MODERNA DO POVO SURUÍ-PAITER VIA INCORPORAÇÃO DE TECNOLOGIAS NÃO INDÍGENAS

Ucleber Gomes Costa

Resumo


Este trabalho objetiva trazer uma discussão ensaista sobre a problemática da incorporação de elementos tecnológicos não indígenas pelo povo indígena Suruí-Paiter como estratégia de fortalecimento transculturalsócio-ambiental-político-territorial, via projetos Google Earth Outreach, intermediado pela ONG Equipe de Conservação da Amazônia (ACT-Brasil) e Projeto de Carbono Florestal Suruí, a iniciativa explora o chamado REED (Redução de Emissões por Desmatamento). Explorar-se-á os conceitos de identidade, transculturalidade, antropofagia numa perspectiva pós-moderna, território, territorialidade, para melhor entendimento das dimensões e relações estratégicas utilizadas pelos índios Suruí-Paiter via incorporação de elementos tecnológicos não indígenas em seu território.

Palavras-chave


Transcultural; Subjetividade Antropofágica; Projeto de Carbono Florestal Suruí.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


I Colóquio Internacional de Educação Geográfica e  IV Seminário Ensinar Geografia na Contemporaneidade

Universidade Federal de Alagoas - Maceió/AL, 12 a 14 de março de 2018