Avaliação da qualidade do leite de cabra em uma propriedade no município de Monteiro - Pb

João Victor Inácio dos Santos, Agenor Correia de Lima Junior, Tiago Gonçalves Pereira Araújo, Brendo Junior Pereira Farias, Ana Cristina Chacon Lisboa

Resumo


O leite de cabra é um produto rico em gordura e nutrientes, por esse motivo é uma matéria prima excelente para fabricação de derivados, tornando os estudos para analisar a qualidade do mesmo cada vez mais importantes. Objetivou-se nessa pesquisa, avaliar a qualidade físico-química e contagem de células somáticas do leite de cabra produzido em uma propriedade no município de Monteiro-PB.  As análises físico-químicas foram feitas no Analisador de Leite Ultrassônico Complete – AKSO, para os parâmetros de composição do leite: gordura (%), sólidos não gordurosos SNG (%), proteína (%), Lactose (%), sais (%), densidade, índice crioscópico (°C). O pH foi determinado pelo PHmetro digital portátil, da marca kasvi, modelo K39-0024P. A contagem de Células Somáticas foi realizada no aparelho LACTOSCAN Somatic Cells Counter. Todos os parâmetros analisados estavam de acordo com o padrão exigido pela Instrução Normativa n° 37. A contagem de células somáticas (CCS) variou de 589.000,50 a 2.096.000,58 com média de 1.226.000,03 células/mL. Pode-se concluir que o leite de cabra analisado está com qualidade aceitável para fabricação de seus derivados.

Palavras-chave


Caprinocultura, Composição físico-química, Contagem de células somáticas.

Texto completo:

PDF

Referências


ALVES, L. S. Composição físico-química e contagem de células somáticas em leite de cabras no município de Gurjão/PB. 35 f. Trabalho de Conclusão de Curso (Bacharel em Ciências Biológicas) – Universidade Federal da Paraíba, Areia, 2018.

BELOTI. V. Fatores que interferem na quantidade e composição do leite produzido. In: Beloti, V. (Org). Leite: obtenção, inspeção e qualidade. Londrina: Editora planta, 2015, p. 35-50.

BRASIL. Ministério da Agricultura e do Abastecimento. Secretaria de Defesa Agropecuária. Regulamento técnico de produção, identidade e qualidade do leite de cabra. Instrução Normativa nº 37 de 31 de outubro de 2000. Diário Oficial da União, Brasília, 2000.

BRASIL. Ministério da Agricultura Pecuária e Abastecimento. Regulamento técnico de produção, identidade e qualidade do leite tipo A. Instrução Normativa nº 62 de 29 de Dezembro de 2011. Diário Oficial da União, 2011.

CASTRO, S. P. Tecnologia de leite e derivados. Universidade Católica de Goiás, 2009

CENACHI, D. B. Desenvolvimento de leite de cabra fermentado prebiótico com baixo teor de lactose adicionado de β-ciclodextrina. 2012. 115 f. Dissertação (Mestrado em Ciência e Tecnologia do Leite e Derivados) – Universidade Federal de Juiz de Fora, Juiz de Fora, 2012.

COELHO, M. O. L. C. Variabilidade das características do leite de cabra e sua influência no fabrico de queijo. 87 f. Dissertação (Mestrado em Engenharia Zootécnica) – Universidade Técnica de Lisboa, 2012.

DESCONSI, A. C.; IZÁRIO FILHO, H. J.; SALAZAR, R. F. S. Avaliação físico-química e microbiológica de soro de leite concentrado obtido por osmose inversa. Revista Ambiente & Água, v. 9, n. 2, p. 325-335, 2014.

INSTITUTO BRASILEIRO DE GEOGRAFIA E ESTATISTICA – IBGE. Censo agropecuário 2017 resultados preliminares. Disponível em: . Acesso em: 25 de janeiro de 2019.

MADUREIRA, K. M.; GOMES V.; Araújo W. P. Características físico-químicas e celulares do leite de cabras saanen, alpina e toggenburg. Revista Brasileira de Ciência Veterinária, v.24, n.1, p. 39-43, 2017.

MARTINS, I. B. A. Produção, avaliação físico-química, microbiológica e sensorial de queijo de cabra probiótico tipo “boursin”. 2016. 95 f. Dissertação (Pós-Graduação em Ciência e Tecnologia de Alimentos, área de Concentração em Ciência de Alimentos) - Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro, Seropédica, 2016.

MENDES, G. M.; SILVA, J. B. A.; ABRANTES, M. R. Caracterização organoléptica, físico-química, e microbiológica do leite de cabra: uma revisão. Acta Veterinaria Brasilica, v.3, n.1, p.5-12, 2009.

MELO, H. M.; NETO, V. A. S.; ALVES, A. L.; OLIVEIRA, S. C. P. L. Qualidade físico-química e contagem de células somáticas do leite no município de sousa-pb. Global Science and Technology, v.11, n.03, p.256-268, 2018.

MELO, G. J. A. Métodos para segmentação de células somáticas do leite bovino e caprino. 105 f. Tese (Doutorado em Engenharia Industrial) – Universidade Federal da Bahia, BA, 2015.

MENSEN, K. F. R. Controle da qualidade: análises físico-químicas do leite e derivados em uma indústria de beneficiamento de leite. 81 f. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Zootecnia) – Universidade Federal do Paraná, PR, 2015.

MONTE, D. F. M.; OLIVEIRA, C. J. B.; MOURA, J. F. P.; LOPES JÚNIOR, W. D. Enumeração de células somáticas em leite caprino na Paraíba. Agropecuária Cientifica do Semiárido, v. 11, n. 4, p. 111-115, 2015.

MORAES, A. C. A. Estudo microbiológico e composição físico-química do leite de cabra. 74 f. Tese (Doutorado em Zootecnia) – Universidade Rural Federal de Pernambuco, Recife, 2017.

MUJICA, P. Y. C.; ANJOS, E. S.;CARNEIRO, P. H.; SALES, P. V. G. et al. Avaliação da qualidade físico-química do leite pasteurizado tipo ‘C’ comercializado no município de Palmas – TO. In; CONGRESSO BRASILEIRO DE QUALIDADE DO LEITE, 2., Anais... Goiânia, 2006.

PEQUENO, A. M. Avaliação da qualidade de leite de cabras de diferentes genótipos.34 f. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Tecnólogo em Agroecologia) – Universidade Federal de Campina Grande, PB, 2018.

PARK, Y. W.; JUÁREZ, M; RAMOS, M.; HAENLEIN, G. F. W. Physico-chemical characteristics of goat and sheep milk. Small Ruminant Research, v. 68, p. 88–113, 2007.

PELLEGRINI, L. G.; CASSANEGO, D. B.; GUSSO, A. P.; MATTANNA, P.; SILVA, S. V. Características físico-químicas de leite bovino, caprino e ovino.

PEREIRA, C. S. Qualidade do leite de cabra in natura pela detecção de microrganismos, susceptibilidade antimicrobiana, parâmetros físico-químicos, contagem de células somáticas, contagem total bacteriana e resíduo antimicrobiano. 102 f. Tese (Doutorado em Higiene Veterinária e Processamento Tecnológico de Produtos de Origem Animal) – Universidade Federal Fluminense, Rio de Janeiro, 2016.

QUEIROGA, R. C. R. E.; CAMBUIM, R. B.; OLIVEIRA, M. E. G.; VIANNA, R. P. T.; SOUZA, E. L. Qualidade microbiológica e físico-química do leite pasteurizado tipo c distribuído pelo programa “leite da paraíba”. Revista da sociedade brasileira de alimentação e nutrição, v.35, n.1, p. 97-109, 2010.

SANTOS, M. V.; FONSECA, L. F. L. Estratégia para controle de mastite e melhoria da qualidade do leite. 2. ed. Barueri, SP: Manole, 314p. 2007.

SLAČANAC, V.; BOŽANIĆ, R.; HARDI, J.; SZABÓ, J. R.; LUČAN, M.; KRSTANOVIĆ, V. Nutritional and therapeutic value of fermented caprine milk. International Journal of Dairy Technology, v. 63, n. 2, p. 171-189, 2010.

TAMANINI, R. Propriedades organolépticas e físico-químicas do leite. In: Beloti, V. (Org). Leite: obtenção, inspeção e qualidade. Londrina: Editora planta, 2015, p. 51-107.9

TRONCO, V. M. Manual para inspeção da qualidade do leite. Santa Maria: Editora UFSM, 2008, 203p.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Direitos autorais 2019 Revista Craibeiras de Agroecologia

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - Não comercial - Sem derivações 4.0 Internacional.