CRESCIMENTO E PRODUÇÃO DO COENTRO (Coriandrum sativum L.) EM FUNÇÃO DE DIFERENTES DOSES DE URINA DE VACA

Patricia da Silva Santos, Ingrid Maria dos Santos Fausto, Reinaldo de Alencar Paes, Lígia Sampaio Reis, Adriana Guimarães Duarte, Lucas dos Santos Medeiros, Sara Camylla de Moura Assis, Wesley Oliveira de Assis

Resumo


O aumento no uso de compostos e outros tipos de adubos orgânicos na produção agrícola é justificado pela busca da melhoria da qualidade do solo e pela redução de custos, promovendo assim o aumento de matéria orgânica do solo e melhor nutrição da planta, sendo assim há uma redução de fertilizantes minerais. O objetivo do estudo foi avaliar o rendimento do coentro adubado com urina de vaca em diferentes doses, afim de obter conhecimento técnico científico que permitam a elaboração e uso de composto orgânicos, de forma que possa contribuir para elaboração de sistemas orgânicos de produção. As plantas de coentro após 44 dias do plantio apresentaram uma altura entre 12 a 20 cm. A aplicação da urina de vaca, autonomamente da concentração utilizada teve um significativo aumento de crescimento da parte aérea das plantas de coentro. Esta resposta positiva mediante a aplicação da urina de vaca pode estar intimamente interligada os fatores nutricionais, hormonais e enzimáticos como promotor no crescimento da planta.

Palavras-chave


matéria orgânica, produção agrícola, fertilizantes.

Texto completo:

PDF

Referências


CEZAR, M. N. Z.; PAULA, P. DINIZ; POLIDORO, J. C.; RIBEIRO, R. L. D.; PADOVAN, M. P. Efeito estimulante da urina de vaca sobre o crescimento de mudas de pepino, cultivadas sob manejo orgânico. Ensaios e Ciência, Campo Grande, v. 11, n. 1, p.67-71, abr. 2007.

COSTA, A. G. Diagnóstico da produção de hortaliças orgânicas no município de Assú-RN: o caso do centro comunitário união. Angicos: UFERSA, 2012. 87f. Monografia (Bacharel em Ciência e Tecnologia).

GADELHA, R. S. de S. Informações sobre a utilização de urina de vaca nas lavouras. PESAGRO-RIO, 1999.

GADELHA, R. S. S; CELESTINO, R. C. A; SHIMOYA, A. Efeito da utilização de urina de vaca na produção da alface. Pesquisa Agropecuária e Desenvolvimento Sustentável, v.1, p.179-182, 2003.

HENZ GP, ALCANTARA FA; RESENDE, F.V. Produção orgânica de hortaliças: o produtor pergunta a Embrapa responde. Brasília Embrapa Informações Tecnológicas, 2007. 308p.

MAZUR, N. Efeito do composto de resíduo urbano no pH e disponibilidade de fósforo. 1981. 81 p. Dissertação (Mestrado em Ciência do Solo). Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro, Itaguaí, 1981.

OLIVEIRA, A.M.G., AQUINO, A.M. de, CASTRO NETO, M.T. Compostagem caseira de lixo orgânico doméstico. Cruz das Almas: Embrapa Mandioca e Fruticultura Tropical, 2005. 6p. (Embrapa Mandioca e Fruticultura Tropical, Circular Técnica, 16).

OLIVEIRA, A.P.; SILVA, V.R.F.; SANTOS, C.S.; ARAÚJO, J.S.; NASCIMENTO, J.T. Produção de coentro cultivado com esterco bovino e adubação mineral. Horticultura Brasileira, Brasília, v. 20, n. 3, 477-479, 2002.

OLVEIRA, N.L.C.; PUIATTI, M.; SANTOS, R.H.S. et al. Efeito da urina de vaca no estado nutricional da alface. Revista Ceres, v.57, p.506-515, 2010.

PESAGRO-RIO. Urina de vaca: alternativa eficiente e barata. Niterói: Coordenadoria de Difusão de Tecnologia. Documentos n.96, 2002. 8p.

SEITER, S.; HORWATH, W. R. Strategies for managing soil organic matter to supply plant nutients. In: MAGDOFF, F.; WEIL, R. R. (Ed.). Soil organicmatter in sustainable agriculture. London. p. 269-293, 2004.

TAIZ, L; ZEIGER, E. Fisiologia Vegetal. Porto Alegre: Artmed. p. 719, 2004.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Direitos autorais 2020 Revista Craibeiras de Agroecologia

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - Não comercial - Sem derivações 4.0 Internacional.