FITOMASSA FRESCA EM PLANTAS DE Thespesia populnea (L.) Sol. ex Corrêa SUBMETIDAS AO DÉFICT HÍDRICO

João Ribeiro

Resumo


Diversos fatores abióticos, como a disponibilidade hídrica, podem afetar diretamente o
crescimento dos vegetais. O objetivo do presente trabalho foi avaliar a fitomassa fresca
em plantas de T. populnea em diferentes regimes hídricos. A pesquisa foi conduzida em
casa de vegetação, no Centro de Ciências Agrárias, Universidade Federal da Paraíba. Para
a análise de fitomassa fresca, determinaram-se a fitomassa fresca de folhas (FFF),
pecíolos (FFP), caules (FFC), raízes (FFR) e total (FFT), utilizando uma balança digital.
O delineamento experimental utilizado foi o inteiramente casualizado (DIC), com cinco
tratamentos hídricos: 100% (controle), 80%, 60%, 40% e 20% da capacidade de pote
(CP), com oito repetições para cada tratamento. Os dados foram submetidos à análise de
variância pelo teste F, e realizou-se uma análise de regressão polinomial. O déficit hídrico
submetido às plantas de T. populnea influenciou na produção de fitomassa fresca de
diferentes compartimentos da espécie. Houve diferenças significativas em todas as
variáveis analisadas, verificando-se um decréscimo linear com a diminuição da
disponibilidade de água. A capacidade de pote de 80% proporcionou uma maior produção
de fitomassa fresca em plantas de T. populnea.

Texto completo:

PDF

Referências


ALVES, M. M.; ALBUQUERQUE, M. B.; PEREIRA, W. E.; LUCENA, M. F. A.;

AZEVEDO, J. P. S. Morpho-physiological analyses of Allamanda blanchetii A. DC.

seedlings under water deficit. Bioscience Journal, v. 33, n. 5, p. 1134-1143, 2017.

ARECES-BERAZAIN, F.; ACKERMAN, J. D. Phylogenetics, delimitation and

historical biogeography of the pantropical tree genus Thespesia (Malvaceae, Gossypieae).

Botanical Journal of the Linnean Society, v. 181, n. 2, p. 171-198, 2016.

CODY, Ron. An Introduction to SAS® University Edition. Cary: SAS Institute,

49 p.

DUTRA, A. F.; MELO, A. S.; FILGUEIRAS, L. M. B.; SILVA, A. R. F.; OLIVEIRA, I.

M.; BRITO, M. E. B. Parâmetros fisiológicos e componentes de produção de feijãocaupi

cultivado sob deficiência hídrica. Revista Brasileira de Ciências Agrária, v. 10, n. 2, p.

-197, 2015.

KERBAUY, G. B. Fisiologia vegetal. 2. ed. Rio de Janeiro: Guanabara Koogan, 2012.

p.

MELO, A. S.; SILVA, A. R. F.; DUTRA, A. F.; DUTRA, W. F.; SILVA SÁ, F. V.;

ROCHA, M. M. Crescimento e pigmentos cloroplastídicos de genótipos de feijão vigna

sob déficit hídrico. Revista Brasileira de Agricultura Irrigada, v. 12, n. 3, p. 2579 -

, 2018.

MOREIRA, R. C. L.; BRITO, M. E. B.; QUEIROGA, R. C. F.; FRADE, L. J. G.;

COSTA, F. B.; PEREIRA, F. H. F.; SILVA, L. A.; OLIVEIRA, C. J. A. Gas exchange,

growth and yield of cowpea genotypes under different irrigation strategies. African

Journal of Agricultural Research, v. 11, n. 26, p. 2286-2294, 2016.

TAIZ, L.; ZEIGER, E.; MOLLER, I. M.; MURPHY, A. Fisiologia e Desenvolvimento

Vegetal. 6. ed. Porto Alegre: Artmed, 2017. 858 p.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Direitos autorais 2019 Revista Craibeiras de Agroecologia

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - Não comercial - Sem derivações 4.0 Internacional.