A gestão como sujeito institucional ativo nas práticas de ensino nos serviços de saúde

Wilma Kelly Gomes dos Santos, Luzia Vieira

Resumo


Atualmente, observa-se que a maior parte dos gestores não se reconhece como peça importante na relação ensino-aprendizagem no contexto do ensino-serviço. Destarte, esta pesquisa tem como enfoque investigar a contribuição da gestão nas práticas de ensino nos serviços de saúde.  Para tanto, realizou-se um levantamento bibliográfico em livros e periódicos acerca do tema proposto. A pesquisa está embasada nos postulados de Ceccim e Feuerwerker (2004) e de Rocha (2003), bem como nos normativos preconizados pelo Ministério da Saúde. Verificou-se que a gestão se constitui elemento relevante para que o processo ensino-aprendizagem se dê de forma totalitária e significativa, fazendo parte de um quadrilátero essencial para a formação em saúde, junto ao ensino, à prática em saúde e ao controle social. Para melhor sustentação da pesquisa, serão colhidos dados numa unidade básica de saúde por meio da observação e pela aplicação de questionários aos profissionais da saúde a fim de evidenciar se a gestão local enquanto instituição contribui ativamente com as práticas de ensino nos seus serviços de saúde e de que forma isso, eventualmente, ocorre.


Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2018 Gep News