QUEÍLITE ACTÍNICA COMO MANIFESTAÇÃO BUCAL DA ANEMIA FERROPRIVA: RELATO DE CASO

Victor Mendonça Ferreira, Pedro Affonso Ferreira de Menezes, Rayssa Louyse de Carvalho Mota Brandão, Yann Victor Paiva Bastos, Sonia Maria Soares Ferreira

Resumo


A Queílite Actínica é uma lesão cutânea pré-maligna, causada pela acumulo de radiação ultravioleta em pele com exposição constante aos raios solares, apresenta maior prevalência em pessoas de pele clara. O objetivo desse relato é elucidar a importância da busca dos fatores etiológicos locais e sistêmicos necessários para o correto diagnóstico e tratamento dos pacientes. Paciente do gênero masculino, 60 anos de idade, leucoderma, procurou o Serviço de estomatologia do Centro de Especialidades Odontológicas, queixando-se de lesão dolorosa em região de lábio inferior com evolução durante dois meses. A história médica relatou aparecimento de lesões semelhantes em 2006, cujo diagnóstico foi de queilite actínica a qual foi associada a anemia ferropriva. O paciente foi acompanhado por cinco anos sem recidiva das lesões. Após oito anos o mesmo retorna apresentando lesões em lábio inferior. Ao exame extra-oral, observou-se úlcera cutânea, placas leucoplásicas, apagamento do limite do vermelhão do lábio e pele e ressecamento labial. A hipótese clínica foi de queilite actínica. O hemograma confirmou anemia, sendo prescrita suplementação de ferro e vitaminas. Após um mês o paciente retornou sem correção do quadro anêmico. O paciente foi encaminhado para hematologia para correção do quadro anêmico. As lesões cicatrizaram por completo após tratamento da anemia e o paciente encontra-se em acompanhamento.


Texto completo:

PDF/A

Apontamentos

  • Não há apontamentos.