BICHECTOMIA: UMA BREVE REVISÃO DE LITERATURA SOBRE AS INDICAÇÕES CORRETAS DA TÉCNICA E POSSÍVEIS COMPLICAÇÕES

Jady Borges Machado de Oliveira, Alexandre Magno da Fonseca Barboza, Andreia Espíndola Vieira

Resumo


Biotipos faciais podem ser distintos, no entanto, o padrão estético mais aceito atualmente estabelece o perfil mais afilado. Nesse sentido, existem diferentes técnicas cirúrgicas buscando obter esse resultado. A bichectomia, por exemplo, é um procedimento com relatos antigos na literatura, mas que recentemente tornou-se popularizada. Este trabalho tem como objetivo apresentar uma breve revisão de literatura sobre as indicações corretas para a bichectomia e possíveis complicações que podem ocorrer. Em geral, a realização dessa técnica cirúrgica tem sido indicada para pacientes com queixa estética do perfil arredondado ou indivíduos com mucosa jugal volumosa resultando em linha de mordida proeminente. A técnica descrita preconiza a retirada do corpo adiposo de Bichat para afinar as bordas laterais da face. O indicado é a excisão apenas da gordura submuscular, buscando preservar a gordura subcutânea comumente perdida com o envelhecimento e evitar deformidades secundárias tardias. Como todo procedimento cirúrgico existe o risco de lesionar artérias e nervos presentes nessa região, podendo acarretar em perda de sensibilidade se o profissional que executar não for bem capacitado e com treinamento adequado. No Brasil, criou-se uma expectativa irreal com o resultado pós-operatório, sendo realizado o procedimento mesmo sem indicação apropriada, culminando no desapontando com o resultado final obtido. Diante dessa tendência atual difundida com a crescente divulgação popular da técnica e a realização indiscriminada da cirurgia com finalidade estética e em pacientes que não possuem essa indicação é de fundamental importância o conhecimento do cirurgião para que este possa instruir o paciente quanto aos benefícios e riscos de possíveis complicações. Assim, o entendimento das indicações corretas de acordo com a queixa e buscando compreender as expectativas do indivíduo pode resultar em um tratamento mais individualizado e melhor orientado para que o paciente esteja ciente das modificações que podem ocorrer no resultado com o processo de envelhecimento natural.


Texto completo:

PDF/A

Apontamentos

  • Não há apontamentos.