CUIDADOS DE BIOSSEGURANÇA E CONDUTA ODONTOLÓGICA NO TRATAMENTO DE PACIENTES PORTADORES DE HERPES VÍRUS TIPO I (HSV-1)

Gabriela Freire Alves, Cláudia Rebecca Costa Cavalcante Silva, Liliana Melo Lopes, Maria Paula Gerônimo Cabral, Regianne Umeko Kamiya

Resumo


O consultório odontológico possui grande rotatividade e assim o profissional deve ser capaz de identificar as lesões causadas pelo HSV-1, realizar procedimentos voltados para a individualidade deste paciente e introduzir as medidas de biossegurança para o atendimento cauteloso. Dessa forma, é relevante esclarecer aos estudantes e profissionais de Odontologia quais são as medidas corretas que devem ser realizadas mesmo durante o atendimento de um paciente portador, visando evitar uma possível infecção cruzada ou uma indução à recorrência do vírus herpes tipo I, enfatizando os seus aspectos e os meios de disseminação. Também para que seja possível, detectar as lesões, diagnosticar e claro, admitir a conduta adequada para o tratamento prolongado. Na prática odontológica, é comum dentistas se depararem com vesículas, úlceras ou crostas na cavidade oral e região perioral, características da ação do vírus HSV-1 sobre a pele ou mucosa, em sua infecção primária ou recorrente então, é necessário introduzir no atendimento diário, medidas preventivas no manejo das lesões para que não haja a propagação desse agente etiológico. O diagnóstico é dado pela peculiaridade das lesões e em caso de dúvidas, o método mais utilizado é a análise da biópsia, porém existem outros como a PCR. Casos duvidosos comumente ocorrem em imunodeprimidos, pelas lesões serem mais agressivas e se assemelharem com outras doenças. A terapêutica utilizada é baseada em antivirais que agem na inibição da duplicação do DNA viral, além de anti-inflamatórios, anestésicos e aplicação de laserterapia com a finalidade de tornar as dores mais brandas. Diante do conhecimento das características do HSV-1 é possível detectar as lesões herpéticas e assim utilizar reforçadamente as medidas de biossegurança a fim de evitar a propagação do vírus.


Texto completo:

PDF/A

Apontamentos

  • Não há apontamentos.