CÂNCER DE CABEÇA E PESCOÇO: PRODUÇÃO DE CARCINÓGENOS E PROMOTORES DE TUMOR POR ISOLADOS DE Staphylococcus E Enterococcus

Kelly Rodrigues Mota, Danrley Kelven Ferreira Cavalcante, João Pedro Monteiro Cavalcante, Liliana Melo Lopes, Nathaly Esperidião de Melo, Tamyres Café da Silva, Regianne Umeko Kamiya

Resumo


O câncer de cabeça e pescoço está entre os dez tipos de neoplasias mais frequentes e representa a terceira causa mais comum de óbito por câncer no mundo. A microbiota bucal patogênica pode predispor às infecções oportunistas locais e sistêmicas, além de contribuir no processo de tumorigênese e metástase tumoral. O objetivo foi analisar a frequência de Staphylococcus spp. e Enterococcus spp., em saliva de pacientes com CEC de cabeça e pescoço, e detectar os fatores de virulência correlacionados com a expressão de promotores de tumor (proteases e fosfolipases) e carcinógenos (peróxido de hidrogênio). Staphylococcus spp. e Enterococcus spp. foram isolados da cavidade bucal de 39 pacientes com CEC ativo e com histórico de CEC (pós-tratamento) e 40 voluntários saudáveis, por métodos de cultura, usando meios semisseletivos. A produção de gelatinase e fosfolipase de 15 isolados de Staphylococcus e 15 isolados de Enterococcus foi detectada em meios contendo gelatina e fosfolipídeos. Em adição, o meio BHA-TMB foi utilizado para detecção fenotípica da produção de peróxido de hidrogênio. Indivíduos com CEC ou histórico de CEC têm maior frequência e quantidade de Staphylococcus e Enterococcus, em cavidade bucal. Houve alta frequência de Staphylococcus spp. produtores das enzimas hidrolíticas como gelatinase(100%) e fosfolipase(74%), in vitro, e baixa frequência de produção de peróxido de hidrogênio (0%). Espécies de Enterococcus foram menos proteolíticas e apenas 1 cepa (6%) padrão E. faecalis ATCC 10100 foi capaz de produzir gelatinase in vitro. Conclui-se que a cavidade bucal pode ser fonte de patógenos invasivos, como Staphylococcus spp., cujos fatores de virulência podem contribuir para a hidrólise tecidual, e consequente metástase de infecções e de células tumorais.

Texto completo:

PDF/A

Apontamentos

  • Não há apontamentos.