A Efetividade do Tratamento Diretamente Observado na Adesão ao Tratamento da Tuberculose

Vitória Helena Sales Ferreira, Geciana Acelino dos Santos, Misslane Cristina Simplício dos Santos, Dhébora Christinne da Silva Oliveira, Jonábia Alves Demetrio Amaral, Ardigleusa Alves Coêlho

Resumo


Objetivo: avaliar a efetividade do tratamento diretamente observado na adesão ao tratamento da tuberculose em unidades de atenção Primária de Campina Grande-PB. Método: estudo transversal utilizando dados secundários, oriundos do Sistema de Informação de Agravos de Notificação. Foram analisados 103 casos novos diagnosticados em maiores de 18 anos residentes em Campina Grande, que realizaram tratamento diretamente observado, entre 2012 e 2014, em 55 unidades de saúde de atenção primária. A análise do qui-quadrado foi usada para testar a associação entre TDO e adesão ao tratamento. Resultados: no período de 2012 a 2014, 119 casos novos de tuberculose pulmonar foram notificados por unidades de saúde de atenção primária. Dentre esse quantitativo, 103 (86,5%) realizaram tratamento supervisionado. Na análise dos casos novos que realizaram tratamento diretamente observado, verifica-se concentração de casos de TB no sexo masculino (63,1%). A faixa etária mais atingida foi de 20 a 49 anos (79,6%). Houve predomínio da raça parda (58,6%) e 39,8% dos doentes possuíam ensino fundamental incompleto. A proporção de cura e abandono foi, respectivamente, 75,3% e 24,7%. Conclusões: Torna-se importante que os profissionais de saúde busquem estratégias para minimizar o abandono do tratamento e o aumento da taxa de cura. 


Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.28998/rpss.v3i1.4352

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Endereço postal

Núcleo de Saúde Pública- NUSP /FAMED

Universidade Federal de Alagoas (UFAL)

Av. Lourival Melo Mota, s/n

Tabuleiro dos Martins CEP:57072-900

Maceió - AL

 E - ISSN 2525-4200 

Indexação:            


Apoio: