Níveis de adubação N e K em cafeeiros fertirrigados e sua função de resposta

Gleice Aparecida Assis, Mario Roberto Prata Melo, Mara Alves Soares, Franscinely Aparecida de Assis, William Eduardo dos Reis Martins, Lucas Rafael Silva

Resumo


O cafeeiro irrigado exige um manejo diferenciado de fertilizantes em relação à lavoura de sequeiro, devido a disponibilidade de água constante durante o ano. Nesse sentido, há a necessidade do desenvolvimento de pesquisas para que se possa promover a otimização dos fertilizantes, fato que faz das funções de produção importante instrumento nos estudos econômicos das produções agrícolas. Com isso, objetivou-se neste trabalho estimar a função de produção, visando determinar o nível de adubação nitrogenada e potássica economicamente viáveis para a produção de cafeeiro fertirrigado na região do Cerrado Mineiro. O experimento foi conduzido na Fazenda Juliana, Monte Carmelo, em Minas Gerais. O plantio foi realizado em novembro de 2011 utilizando-se mudas da cultivar Topázio MG 1190. Foram testados cinco níveis de N (Nitrogênio) e K2O (Potássio) (30, 80, 130, 180 e 230%) do recomendado para lavouras não irrigadas. Verificou-se que a produtividade física máxima de 43,6 sacas ha-1 foi atingida com nível de adubação de 178,14% da recomendação para sequeiro. Entretanto, o nível de adubação ótimo, com que se obteve maior retorno econômico foi de 141,35%, resultando em uma produtividade de 41,88 sacas ha-1, o que demonstra uma diferença de 36,79% entre as eficiências técnica e econômica. Considerando-se a eficiência econômica, houve uma redução de gastos de R$ 377,34 ha-1 e R$ 784,00 ha-1, respectivamente, com o uso de adubo nitrogenado e potássico.


Texto completo:

PDF

Referências


ASSIS, G. A.; GUIMARÃES, R. J.; COLOMBO, A.; SCALCO, M. S.; DOMINGHETTI, A. W. Critical ranges for leaf nitrogen and potassium levels in coffee fertigated at the production phase. Revista Ciência Agronômica, Fortaleza, v. 46, n. 1, p. 126-134, jan-mar, 2015.

CARVALHO, C. H. M. de.; COLOMBO, A.; SCALCO, M. S.; MORAIS, A. R. Evolução do crescimento do cafeeiro (Coffea arabica L.) irrigado e não irrigado em duas densidades de plantio. Ciência e Agrotecnologia, Lavras, v. 30, n. 2, p. 243-250, mar./abr., 2006.

CARVALHO, F. M. de. A estratégia dos produtores de café com relação ao uso econômico de nitrogênio e potássio, município de Lavras – MG. Lavras: UFLA, (Dissertação – Mestrado em Administração Rural).67 p.1992.

COMPANHIA NACIONAL DE ABASTECIMENTO. Acompanhamento da safra brasileira - Café - Safra 2016 – Segundo levantamento- Maio/2016. Disponível em: . Acesso em: 20 mai. 2016.

COOPERATIVA REGIONAL DE CAFEICULTORES EM GUAXUPÉ. Preço Histórico do Café. 2015. Disponível em: . Acesso em: 20 nov. 2015.

FERNANDES, A. L. T.; PARTELLI, F. L.; BONOMO, R.; GOLYNSKI, A. A moderna cafeicultura dos cerrados brasileiros. Pesquisa Agropecuária Tropical, Goiânia, v. 42, n. 2, p. 231-240, abr./jun. 2012.

FERREIRA, D. F. Sisvar: um sistema computacional de análise estatística. Ciência e Agrotecnologia, v.35, n.6, p.1039-1042, Nov./dez. 2011.

FRIZZONE, J. A.; TEODORO, R. E. F.; PEREIRA, A. S.; BOTREL, T. A. Lâminas de água e doses de nitrogênio na produção de aveia (Avena sativa L.) para forragem. Scientia Agrícola, Piracicaba, v. 52, n. 3, p. 578-586. Set/Dez. 1995.

GUIMARÃES, P. T. G.; GARCIA, A. W. R.; ALVAREZ, V. H.; PREZOTTI, L. C.; VIANA, A. S.; MIGUEL, A. E.; MALAVOLTA, E.; CORRÊA, J. B.; LOPES, A. S.; NOGUEIRA, F. D.; MONTEIRO, A. V. C. In: COMISSÃO DE FERTILIDADE DO SOLO DO ESTADO DE MINAS GERAIS – CFSEMG. Recomendações para o uso de corretivos e fertilizantes em Minas Gerais, 5º Aproximação. Editores, RIBEIRO et al., Viçosa, MG, 1999, 359 p. 289-302.

LIMA JUNIOR, J. A. de.; PEREIRA, G. M.; GEISENHOFF, L. O.; COSTA, G. G.; REIS, R. P.; OLIVEIRA, L. F. C. Avaliação econômica da produção de alface americana em função de lâminas de irrigação. Ciência e Agrotecnologia, Lavras, v. 35, n. 2, p.392-398, mar. 2011.

MALAVOLTA, E. Nutrição mineral e adubação do cafeeiro. São Paulo: Agronômica Ceres, 1993. p. 64-126.

PEREIRA, J. R. D. Viabilidade técnica e econômica das aplicações de água e nitrogênio no cultivo de gladíolo (Gladiolus x grandiflorus L.). Tese (Doutorado em Engenharia Agrícola) – Universidade Federal de Lavras, Lavras - MG. 80 p. 2005.

QUINTELA, M. P.; SILVA, T. J. A.; BONFIM-SILVA, E. M.; SILVA, E. F. F.; BEBÉ, F. V. Parâmetros produtivos e nutricionais do cafeeiro submetido adubação nitrogenada na região de Garanhuns. Revista Caatinga, v. 24, n. 4, p. 74-79, 2011.

REZENDE, F.C.; HELBEL JÚNIOR, C.; SOUZA, R. S. de.; ANTUNES, F. M.; FRIZZONE, J. A. Crescimento inicial de duas cultivares de cafeeiro em diferentes regimes hídricos e dosagens de fertirrigação. Engenharia Agrícola, Jaboticabal, v. 30, n. 3, p. 447-458, 2010.

SCALCO, M. S.; ALVARENGA, L. A.; GUIMARÃES, R. J.; COLOMBO, A.; ASSIS, G. A. Cultivo irrigado e não irrigado do cafeeiro (Coffea arabica L.) em plantio superadensado. Coffee Science, Lavras, v. 6, n. 3, p. 193-202, set./dez. 2011.

SILVA, C. A. da,; TEODORO, R. E. F.; MELO, B. de. Produtividade e rendimento do cafeeiro submetido a lâmina de irrigação. Pesquisa Agropecuária Brasileira, Brasília, v. 43, n. 3, p. 387-394, março 2008.

SOBREIRA, F. M.; GUIMARÃES, R. J.; COLOMBO, A.; SCALCO, M. S.; CARVALHO, J. G. Adubação nitrogenada e potássica de cafeeiro fertirrigado na fase de formação, em plantio adensado. Pesquisa Agropecuária Brasileira, Brasília, v. 46, n. 1, p.9-16, jan. 2011.

VILLELA, G. M.; GUIMARÃES, R. J.; PINTO, C. G.; SCALCO, M. S.; SALES JUNIOR, J. C.; CAMILO, W. R.; ALVES, G. Faixas críticas de teores foliares de macronutrientes para cafeeiros fertirrigados em formação. Coffee Science, Lavras, v. 10, n. 3, p. 271 - 279, jul./set. 2015.




DOI: http://dx.doi.org/10.28998/rca.v16i3.5607