CADERNOS CÊNICOS https://seer.ufal.br/index.php/CadCenicos A Cadernos Cênicos é uma publicação semestral do Núcleo de Estudo e Pesquisa das Expressões Dramáticas (NEPED/CNPq), vinculada ao curso de Teatro licenciatura da UFAL. Objetiva fomentar a reflexão, produção e divulgação de práticas de pesquisa, extensão e criação artística de discente dos cursos de Teatro e outras artes (Dança, Música, Cinema, Artes Visuais, Literatura). Universidade Federal de Alagoas pt-BR CADERNOS CÊNICOS 2675-5319 <p>Ao submeter um trabalho à Cadernos Cênicos, os(as) autores(as) concordam com as normas de publicação e cedem, sem remuneração, os direitos de publicação nesse canal.</p><p> </p> Dossiê Arte em tempos sombrios https://seer.ufal.br/index.php/CadCenicos/article/view/12818 <p>Ao refletir sobre as relações entre Arte e Política, Jacques Rancière afirma que “a arte é considerada política porque mostra os estigmas da dominação, porque ridiculariza os ícones reinantes ou porque sai de lugares próprios para transformar-se em prática social” (RANCIÈRE, 2008, p. 52). <br />Dessa forma, a Arte é capaz de reestabelecer os laços entre os indivíduos e, em simultâneo, contrapor-se aos discursos dominantes e às tentativas de controle social. Sendo assim, os modos de se figurar, de se expressar, e de criar artisticamente (poiesis) sempre representam ameaças ao sistema dominante, pois, além de desnudar os mecanismos hierárquicos e a rigidez das convenções sociais, a Arte produz o efeito de catarse tanto no sentido aristotélico (purificação) quanto no sentido psicanalítico (libertação de sentimento reprimido e método de se trazer à consciência recordações recalcadas).</p> Felipe de Paula Souza Jorge Henrique da Silva Romero Ednaldo Cândido Moreira Gomes Copyright (c) 2021 2021-08-16 2021-08-16 3 4 1 2 As canções de Belchior sob a ótica dos Direitos Humanos https://seer.ufal.br/index.php/CadCenicos/article/view/12819 <p>Este artigo visa à demonstração, por meio da análise das músicas do cantor e compositor brasileiro Belchior, da relevância da Arte, como instrumento de crítica à realidade, especialmente, no que se refere à temática dos Direitos Humanos, em tempos<br />de crise. Para isso, será demonstrada a relação entre Música e Literatura na obra do referido artista, com destaque para a importante função que essas formas de manifestação artística podem desempenhar na preservação da memória de um povo, como aspecto fundamental na evolução democrática de uma sociedade, bem como na afirmação de princípios como a dignidade humana, pedra de toque de uma ordem jurídica legítima.</p> Vanessa Laís Cavalcante Vassalo Copyright (c) 2021 2021-08-16 2021-08-16 3 4 1 13 Meu Boi Mamulengo https://seer.ufal.br/index.php/CadCenicos/article/view/12822 <p>Texto dramático. Adaptação da manifestação da cultura popular alagoana do bomba meu boi.</p> Bethe Miranda Pierre Pellegrine Copyright (c) 2021 2021-08-16 2021-08-16 3 4 Análise sobre a peça Casa de Bonecas de Henrik Ibsen: Nora, a boneca rebelde https://seer.ufal.br/index.php/CadCenicos/article/view/12820 <p>Casa De Bonecas de Henrik Ibsen, é uma obra totalmente atemporal, um livro do século XIX que retrata o papel da mulher, no entanto, o autor, ao fazer uso da escrita como ferramenta nos mostra a possibilidade que nos é ofertada o plano da arte de tomar contato com uma personagem transgressora, uma boneca rebelde, nos fazendo ver a necessidade de independência do ser humano. Nessa pesquisa é feita a analogia direta da mulher que nasce em um mundo já pronto, e que tem seu destino imposto pela sociedade, como, por exemplo, casar, ter filhos, cuidar da casa e do marido, entre outras coisas e, além disso conviver com um relacionamento abusivo, disfarçado de cuidados, mas no final das contas são de fato ameaças, pois, ele a vê como uma boneca frágil que precisa de proteção para não cometer erros que possam sujar o nome da família. Ibsen quebra a regra ao mostrar uma casa destroçada e Nora uma boneca rebelde enaltecendo sua liberdade de decisões e atitudes. O autor de modogeral em suas peças projeta símbolos da realidade cotidiana reverberando reflexõespara sua época.</p> Jéssica Euzébio da Silva Copyright (c) 2021 2021-08-16 2021-08-16 3 4 1 4 Editorial https://seer.ufal.br/index.php/CadCenicos/article/view/12817 <p>Chegamos à 4ª edição da nossa Cadernos Cênicos. Isso nos enche de alegria e muito orgulho, mas, ao mesmo tempo, nos recobre de uma imensa responsabilidade com a sua continuidade, pois, além da necessária regularidade editorial o estímulo para que os nossos discentes criem intimidade com a escrita acadêmica é de fundamental importância.<br />Neste momento, em que tantos ataques são direcionados ao setor cultural, não podemos desistir, temos que resistir cada vez mais e sempre. Essa é uma tarefa que nos impõe o processo histórico e ao qual não nos é dado o direito de renúncia.</p> Ana Flávia de Andrade Ferraz Otávio Cabral Copyright (c) 2021 2021-08-16 2021-08-16 3 4 1 2 Criação e Autoralidade em dança: afirmando-se no dançar https://seer.ufal.br/index.php/CadCenicos/article/view/12815 <p>Este relato de criação busca estabelecer relações e reflexões entre um processo de criação do solo de dança e reconhecimento e afirmação racial à luz praticas criativas e pressupostos teóricos-conceituais de corpo e raça. Ao descrever e analisar os<br>procedimentos que orientaram a criação do solo dentro de uma disciplina da graduação em Dança da Escola de Belas Artes da Universidade Federal de Minas Gerais pretendese oferecer elementos que ajudem a pensar de que maneira as identidades comparecem em processos criativos autorais, atrelada, também, a concepções teórico-práticas estudadas na disciplina “Do corpo próprio a uma dança de si: diferenças culturais, unidade, fragmentação e autoexpressão” (PPG-Arte EBA-UFMG) para trazer a ideia de um “corpo próprio” que é inervado de relações socioculturais.</p> André Luiz de Sousa Copyright (c) 2021 2021-08-16 2021-08-16 3 4 1 16 A Produção Arquitetônica dos Espaços Imaginários no Cinema https://seer.ufal.br/index.php/CadCenicos/article/view/12805 <p>Os cenários cinematográficos, construídos com auxílio da arquitetura, são partes fundamentais na concepção de um filme em razão de contextualizarem o espectador em questões como espaço e época de uma narrativa. O presente artigo é um recorte de um trabalho final de graduação de Arquitetura e Urbanismo, e tem como objetivo apresentar uma perspectiva histórica da representação desses cenários arquitetônicos nas mídias audiovisuais. Para isso, foi realizada, primeiramente, uma análise com foco na arquitetura de obras cinematográficas selecionadas. Também foi necessária uma revisão literária, bem como pesquisas em artigos científicos relacionados para, a partir de então, gerar hipóteses relacionadas aos cenários e como estes são responsáveis pelo diálogo entre arquitetura e cinema. A relevância deste estudo se dá no ponto que é necessário compreender como uma área técnica, que muitas vezes é deixada em segundo plano, pode ser também a protagonista da história.</p> Verônica Moralli de Andrade Copyright (c) 2021 2021-08-16 2021-08-16 3 4 1 15 A experiência do espetáculo Menina Negra sob a ótica de um docente/aprendiz https://seer.ufal.br/index.php/CadCenicos/article/view/12753 <p>O presente trabalho é um relato de criação da primeira experiência do autor, enquanto artista/docente da Rede Municipal de Educação da cidade de Porto de Pedras no interior de Alagoas, no qual discorre sobre a formação de um grupo de teatro na escola e sua jornada de construção de um espetáculo, tendo conteúdos autobiográficos e o processo colaborativo como instrumentos para a criação.</p> Bruno Alves da Silva Copyright (c) 2021 2021-08-16 2021-08-16 3 4 1 12 Ensino/aprendizagem de pessoas com Deficiência Intelectual (DI) Mediante Jogos Teatrais https://seer.ufal.br/index.php/CadCenicos/article/view/12816 <p>O trabalho proposto tem por objetivo promover o desenvolvimento do ensino/aprendizagem da criança com deficiência intelectual (D.I) mediante dos jogos teatrais. Ele é especificamente voltado às pessoas que vivem às margens da sociedade, devido a um problema cientificamente provado que é reflexo de questões políticosociais. Será abordado como solução desse problema político-social a definição e classificação de deficiência; métodos de ensino-aprendizagem com o enfoque em pessoas com deficiência mental, embasado em um currículo adequado partindo de condições gerais às específicas; e de que maneira o método de improvisação teatral de Viola Spolin pode auxiliar nesse processo. Para que seja possível ao professor que está em sala de aula com o aluno com esta deficiência ter aporte teórico para o desenvolvimento de suas aulas.</p> Neto Portela Copyright (c) 2021 2021-08-16 2021-08-16 3 4 1 10 As Solas do Sol: Uma obra poética diante de um ponto de vista antagônico https://seer.ufal.br/index.php/CadCenicos/article/view/12813 <p>Em 1998, Fabrício Carpinejar lançou-se no cenário poético brasileiro com a obra As Solas do Sol, que nos projeta, em seu título, um antagonismo, pois relaciona algo inferior, que está no chão, ou seja, a sola, com algo eminente, o sol. Essa conjunção excêntrica prepara o leitor para um universo poético, metafórico e sem fronteiras no qual está prestes a conhecer.</p> Tatiane Moura da Silva Copyright (c) 2021 2021-08-16 2021-08-16 3 4 1 3