Ocorrência e identificação de fitonematoides em cultivos agroecológicos de coentro no município de Castanhal, Pará, Amazônia.

Autores

  • Alberto Vinicius Sousa Rocha Estudante de Agronomia, Instituto Federal do Pará, Campus Castanhal
  • Rosana Cardoso Rodrigues Docente de Ensino Básico, Técnico e Tecnológico, Instituto Federal do Pará, Campus Castanhal
  • Barbara Maisa Nunes Araujo Estudante de Agronomia, Instituto Federal do Pará, Campus Castanhal
  • Amanda Soares de Moura Estudante de Agronomia, Instituto Federal do Pará, Campus Castanhal
  • Leandro Marques do Carmo Estudante de Agronomia, Instituto Federal do Pará, Campus Castanhal
  • Gabriel Gustavo Tavares Nunes Monteiro Estudante de Agronomia, Universidade Federal Rural da Amazônia, Campus Belém
  • José Victor Sousa de Souza Estudante de Agronomia, Instituto Federal do Pará, Campus Castanhal

Palavras-chave:

Agroecologia, Cultivo de Hortaliças, Coriandrum sativum e Meloidogyne spp.

Resumo

A produção agroecológica de hortaliças tem crescido nos últimos anos em todo o mundo e a aplicação de técnicas de manejo que proporcionem o seu êxito se faz fundamental, dentre elas, dos agentes patogênicos, como os nematoides Estes, por sua vez, são vermes que atacam, especialmente, os órgãos subterrâneos dos vegetais, a exemplo do coentro, em vista de sua alta vulnerabilidade. Diante disso, sendo o conhecimento da taxonomia destes seres o primeiro passo para seu manejo nos cultivos, o presente trabalho teve por objetivo verificar a ocorrência e identificar nematoides em áreas de plantio de Coentro no município de Castanhal, estado do Pará, Amazônia. Foram realizadas amostragens do solo cultivado e posterior extração pelo método de centrifugação em solução de sacarose. A identificação foi realizada de acordo com as características morfológicas das fêmeas. Três gêneros foram encontrados em associação com o coentro, sendo estes Meloidogyne spp., Helicotylenchus spp. e Tylenchulus spp.. O primeiro, mais conhecido por “nematoide das galhas”, compõe o grupo de gêneros mais importantes do ponto de vista econômico, em função dos fortes danos que podem gerar e sua sintomatologia no coentro é peculiar. Os últimos dois, por sua vez, não apresentam, ao menos ainda, impactos econômicos às hortaliças folhosas. Assim sendo, os dados obtidos podem embasar a adoção de técnicas de manejo mais que visem a gestão dos nematoides nos cultivos investigados, bem como, contribuir para futuros estudos dessa natureza, os quais são incipientes no estado do Pará.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

ALVES, J. O.; MARTINS, I.C.F.; CAMPOS, L. D.: OCORRÊNCIA DE NEMATOIDES EM HORTALIÇAS FOLHOSAS NO MERCADO MUNICIPAL DE CAPANEMA-PA. In: XXXVI CONGRESSO BRASILEIRO DE NEMATOLOGIA, XXXVI., 2019, Caldas Novas - GO. Anais [...]. [S. l.]: SBN, 2019.

BIONDI, C. M. PRADO, M.D.C.; MEDEIROS, J.E.; PEDROSA, E.M.R.; MOURA, R.M.: Tolerância do coentro ao parasitismo do nematoide Meloidogyne incógnita, raça 1. Nematologia brasileira, v. 25, n. 2, p. 239-241, 2001.

BONFIM, C. O. FITONEMATOIDES ASSOCIADOS AO CULTIVO DE HORTALIÇAS NO MUNICÍPIO DE LAGOA SECA-PB. Orientador: Guilherme Silva de Podestá. 2017. 33 f. TCC (Engenharia Agronômica) - Universidade Federal da Paraiba - UFPB, Areia - PB, 2017. Disponível em: <https://repositorio.ufpb.br/jspui/bitstream/123456789/4355/1/COB22052018.pdf.> Acesso em 18 maio de 2020.

COSTA, A. R. M. da: MAPEAMENTO DO USO E COBERTURA DOS SOLOS DO IFPA - CAMPUS CASTANHAL A PARTIR DE IMAGENS DE SATÉLITE. Orientador: Tatiana Pará Monteiro de Freitas. 2019. 59 f. TCC (Bacharelado em Agronomia) - Instituto Federal do Pará - IFPA, Castanhal - PA, 2019.

DIAS, F. H. C.: FITONEMATOIDES ASSOCIADOS AO COENTRO Coriandrum sativum NO MUNICÍPIO DE LAGOA SECA - PB. Orientador: Guilherme Silva de Podestá. 2018. 30 f. TCC (Engenharia Agronômica) - Universidade Federal da Paraiba - UFPB, Areia - PB, 2018. Disponível em: <https://repositorio.ufpb.br/jspui/bitstream/123456789/12743/1/FHC21122018.pdf>. Acesso em 16 de maio 2020.

EMBRAPA. Sistema brasileiro de classificação de solos. Brasília:Embrapa-SPI; Rio de Janeiro: Embrapa-CNPS, 2006. 412p.

FERRAZ, L. C. C. B.. Chave ilustrada de identificação dos principais gêneros de fitonematoides no Brasil baseada em caracteres das fêmeas. In: Oliveira, Claudio M.G.; Santos, Maria A. dos; Castro, Leonardo H. S.. (Org.). Diagnose de Fitonematoides. 1ªed.Campinas (SP): Millennium Editora, 2016, v. único, p. 237-253.

FOTEDRAL, D. N.; RAUL, V.: Onsome species of the genus Helicotylenchus Steiner, 1945. (Hoplolaimidae: Nematoda) common plant parasitic nematodes in Kashmir, India. Indian Journal Nematololy, Florida, v. 15, n. 1, p. 90-13, 1985.

FREITAS, L.G.; NEVES, W.S.; OLIVEIRA, R.D.L. 2016. Métodos em Nematologia Vegetal. In: ALFENAS, A.C.; MAFIA, R. G. Viçosa: UFV, 2016. 382p.

GERDEMANN, J.W.; NICOLSON, T.H. Spores of mycorrhizal Endogone species extracted from soil by wet sieving and decanting. Transactions of the British Mycological Society, v.46, p.235-244, 1963.

GOULART, A.M.C. Análise nematológica: importância e princípios gerais. Planaltina: Embrapa Cerrados, 2010. 45p. (Embrapa Cerrados. Documentos, 299).

HOOPER, D. J. Handling, fixing, staining and moulting nematodes. In: SOUTHEY, J. F. (Ed.). Laboratory methods for work with plant and soil nematodes. London: Ministry of Agriculture, Fisheries and Food, 1986.

JENKINS, W. R. A rapid centrifugal-flotation technique for separating nematodes from soil. Plant Disease Reporter, v. 48, n. 9, p. 692, 1964.

LIMA, W. G.; POLTRONIERI, L. S.; SANTOS, J. M. dos, SOARES, C. M. A.; CARDOSO, S. S. Identificação de gêneros de fitonematóides em áreas de floresta no Estado do Pará. In: I Seminário de Iniciação Científica da Ufra e VII Seminário de Iniciação Científica da Embrapa Amazônia Oriental. Campos da Ufra. Belém-PA. Anais. Belém: Universidade Federal Rural da Amazônia, 2003. Resumo 65, p. 91.

LÖBMANN, M. T.; VETUKURI, R. R.; ZINGER, L. de; ALSANIUS, B. W.; GRENVILLE-BRIGGS, L. J.; WALTER, A. J.: The occurrence of pathogen suppressive soils in Sweden in relation to soil biota, soil properties, and farming practices. Applied Soil Ecology, v. 107, p. 57-65, 2016. https://doi.org/10.1016/j.apsoil.2016.05.011

MATTOS, J. K. A. Caracterização das comunidades de nematóides em oito sistemas de uso da terra nos cerrados do Brasil Central. Brasília, DF. 1999. 113 f. Tese (Doutorado). Universidade de Brasília.

MELO, T. A. de; SERRA, I. M. R. de S.: Materiais vegetais aplicados ao manejo agroecológico de Meloidogyne incognita em tomateiro. Summa Phytopathol. Botucatu, v. 45, n. 1, p. 97-103, 2019. https://doi.org/10.1590/0100-5405/187851.

MENDES, R.; GARBEVA, P.; RAAIJMAKERS, J. M.: The rhizosphere microbiome: significance of plant beneficial, plant pathogenic, and human pathogenic microorganisms. FEMS Microbiology Reviews, v. 37, n. 5, p. 634-663, 2013. https://doi.org/10.1111/1574-6976.12028

MONTEIRO, A. R.; C. B., FERRAZ, L. C. C.B.; INOMOTO, M. M. Apostila: Curso de nematologia agrícola. USP-ESALQ – Departamento de zoologia, Piracicaba, SP., 235 p., 2000.

NASCIMENTO, M.M. Identificação de gêneros de fitonematóides em amostras coletadas na Floresta Amazônica, no Nordeste Paraense. Dissertação (Mestrado em Agronomia), Belém, Universidade Federal Rural da Amazônia. 2007. 84 f

OLIVEIRA, J. O. Levantamento de Fitonematoides e Caracterização Bioquímica de Populações de Meloidogyne Spp. em Áreas Cultivadas com Hortaliças na Região Sul do Estado de Goiás. Orientador: Rodrigo Vieira da Silva. 2016. 16 f. Dissertação (Mestrado Profissional em Olericultura) - Instituto Federal Goiano, Morrinhos-GO, 2016.

PINHEIRO J.B. 2017. Nematoides em Hortaliças. Embrapa Hortaliças, Brasília, DF, p.194. 2017.

PINHEIRO, J. B.; AMARO, G. B.; PEREIRA, R. B. Ocorrência e controle de nematoides em hortaliças folhosas. Embrapa Hortaliças-Circular Técnica (INFOTECA-E), 2010.

PINHEIRO, J. B.; MELO, R. de C.; RAGASSI, C. F. Manejo de nematoides em hortaliças sob plantio direto. Embrapa Hortaliças-Circular Técnica (INFOTECA-E), 2019.

PINHEIRO, J. B.; PEREIRA, R. B. Manejo de nematoides na cultura do coentro e salsinha. Embrapa Hortaliças-Circular Técnica (INFOTECA-E), 2016.

SAEED, M.; MUKHTAR, T.; REHMAN, M. A.: Temporal Fluctuations in the Population of Citrus Nematode (Tylenchulus semipenetrans) in the Pothowar Region of Pakistan. Pakistan J. Zool., 2019, 51: 2257-2263. DOI: http://dx.doi.org/10.17582/journal.pjz/2019.51.6.2257.2263

SEDIYAMA, M. A. N.; SANTOS, I. C. dos; LIMA, P. C. de.: Cultivo de hortaliças no sistema orgânico. Rev. Ceres, Viçosa , v. 61, supl. p. 829-837, Dec. 2014 . Available from <http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0034-737X2014000700008&lng=en&nrm=iso>. Acesso em 12 de fevereiro de 2020. https://doi.org/10.1590/0034-737x201461000008.

SILVA, J. V. C. de L.; HIRSCHFELD, M. N. C.; CARES, J. E.; ESTEVES, A. M.: Land use, soil properties and climate variables influence the nematode communities in the Caatinga dry forest. Applied Soil Ecology, v. 150, p. 103474, 2020. https://doi.org/10.1016/j.apsoil.2019.103474

SOUZA, A.R.L.; MACHADO, J.A.D.; DALCIN, D. Análise de estudos internacionais sobre os fatores que influenciam a decisão dos agricultores pela produção orgânica. Revista em Agronegócio e Meio Ambiente, Maringá, v.8, n.3, p.563, 2015.

VIEIRA, J. G. P. ANÁLISE MORFOLÓGICA, BIOQUÍMICA, MOLECULAR E HISTOPATOLÓGICA DA RELAÇÃO PARASITO - HOSPEDEIRO DE MELOIDOGYNE SPP. E HORTALIÇAS COMERCIALIZADAS EM BELÉM – PARÁ, BRASIL. Orientador: Jeannie Nascimento dos Santos. 2014. 89 f. Tese (Programa de Pós-Graduação em Biologia de Agentes Infecciosos e Parasitários) - Universidade Federal do Pará, Belém - PA, 2014.

Downloads

Publicado

2021-12-01

Como Citar

ROCHA, Alberto Vinicius Sousa; RODRIGUES, Rosana Cardoso; ARAUJO, Barbara Maisa Nunes; MOURA, Amanda Soares de; CARMO, Leandro Marques do; MONTEIRO, Gabriel Gustavo Tavares Nunes; SOUZA, José Victor Sousa de. Ocorrência e identificação de fitonematoides em cultivos agroecológicos de coentro no município de Castanhal, Pará, Amazônia. Revista Craibeiras de Agroecologia, [S. l.], v. 6, n. 1, 2021. Disponível em: https://seer.ufal.br/index.php/era/article/view/10395. Acesso em: 14 jul. 2024.

Edição

Seção

Produção Vegetal