TCH DE VARIEDADES DE CANA-DE-AÇÚCAR SOBMETIDAS A CALAGEM NO BREJO PARAIBANO

Autores

  • Bruno Rosendo

Resumo

A cana-de-açúcar (Saccharum Officinarum), é uma das culturas mais valorizadas no Brejo Paraibano, região que é um referencial em destilados e derivados da cultura, onde se concentra a maior quantidade de engenhos ativos. Para o aumento da produtividade da cana-de-açúcar, algumas técnicas se fazem necessárias, como por exemplo a correção do solo e a escolha de variedades que sejam adaptadas as condições da região. Nesse sentido, o objetivo deste trabalho foi avaliar a resposta das variedades VAT90- 212 e RB04-1443 sob a aplicação da calagem. O trabalho foi realizado na área experimental Chã de Jardim do Centro de Ciências Agrárias – CCA, Campus II, da Universidade Federal da Paraíba - UFPB, localizado no município de Areia – PB, o experimento foi conduzido em delineamento experimental de blocos casualizados com 4 tratamentos (VAT90-212 CC; RB041443 CC; VAT90-212 SC; RB041443 SC) em parcelas subdividida 2x2, em que as duas variedades foram submetidas a aplicação ou não de calcário, em 4 repetições. A produtividade (TCH) foi determinada a partir dos dados obtidos de colmos industrializáveis por metro. A TCH das variáveis respondeu de foram positiva ao uso da calagem, com acréscimos nessa variável.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2019-12-09

Como Citar

ROSENDO, Bruno. TCH DE VARIEDADES DE CANA-DE-AÇÚCAR SOBMETIDAS A CALAGEM NO BREJO PARAIBANO. Revista Craibeiras de Agroecologia, [S. l.], v. 4, n. 2, 2019. Disponível em: https://seer.ufal.br/index.php/era/article/view/9253. Acesso em: 29 maio. 2024.