Temer formigas, desconfiar dos passarinhos: encontros, movimentos e afetos em tempos de pandemia

Autores

  • Maria Angélica da Silva

Palavras-chave:

Cidades. Corpo. Controle social.

Resumo

Trata-se de uma reflexão sobre o tema da pandemia circusntancializado pelo seu contexto de ocorrência: o mundo contemporâneo das intensas trocas e movimento. Aborda o papel da cidade versus a pandemia, e os sucessivos ganhos da urbanização nos últimos séculos onde se inclui o agronegócio e o domínio do meio ambiente. O estudo é fruto de um interesse que cruza a vida urbana, o lugar do corpo, da natureza e das mídias perguntando, dentre outras questões, acerca da legitimidade da hegemonia humana sobre os outros seres vivos. Este interesse vem sendo abordado no decorrer de vários projetos de pesquisa e orientações acadêmicas. Metodologicamente, apoia-se em um levantamento diário acerca do tema da pandemia em fontes digitais e na observação dos lugares urbanos durante este contexto. A problemática que a pesquisa busca enfrentar é como localizar as questões que levariam a estruturar novas alternativas pós pandemia, voltadas, a uma vida solidária favorável à sustentabilidade social e ambiental. As conclusões apontam para os caminhos que a dúvida e a poesia podem responder...

Downloads

Publicado

04/12/2020