Biblioterapia: das dissertações e teses aos cursos de Biblioteconomia no Brasil

Autores

DOI:

https://doi.org/10.28998/cirev.2020v7n1j

Palavras-chave:

Biblioterapia.Bibliotecário.Cursos de Bacharel em Biblioteconomia.

Resumo

O estudo objetiva identificar na literatura científica brasileira os enfoques dados à biblioterapia, sob o viés da Biblioteconomia e da Ciência da Informação nas teses e dissertações e também verificar a existência da disciplina Biblioterapia nos cursos de Biblioteconomia do Brasil. A pesquisa ocorreu em dois momentos: primeiro momento foi analisado os documentos (teses e dissertações) recuperados na busca da base de dados BDTD/IBICT com o tema biblioterapia, em segundo momento, realizou-se um levantamento sobre as 36 universidades brasileiras que possuem o curso de Biblioteconomia e entre essas quantas oferecem a disciplina de biblioterapia como opção nos QSL dos cursos. Foram encontradas entre teses e dissertações 14 itens em diversas áreas do conhecimento, sendo assim optou-se em analisar os sete documentos no qual as áreas abrangentes são: Biblioteconomia, Ciência da Informação e Gestão da Informação. Observou-se que não existe uma única área de conhecimento responsável pela biblioterapia, pois a mesma trata-se de uma atividade multidisciplinar. Constatou-se que somente uma universidade disponibiliza a disciplina de biblioterapia como uma opção de agregar conhecimentos aos discentes interessados nesse campo de atuação.

 

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Mariza Inês da Silva Pinheiro, Universidade Federal do Mato Grosso

Professora efetiva do Curso de Biblioteconomia da Universidade Federal de Mato Grosso.bPossui graduação em Biblioteconomia pela Fundação Universidade Federal do Rio Grande, RS (1994), Especialista em Desenvolvimento e Gerenciamento de Sistemas de Informação pela Fundação Universidade Federal do Rio Grande, RS (1998), mestre em Engenharia de Produção pela Universidade Federal de Santa Maria, RS (2002) e Doutora em Documentação pela UC3M na Espanha. Tem experiência na área de Gerência em Biblioteca Universitária e Docência. Atuando principalmente nos seguintes temas: técnicas bibliotecônomicas, ensino em biblioteconomia, recursos informacionais, serviços de referencia e informação, biblioteca escolar, pública, especializada e universitária, metodologia científica, organização e tratamento documental em arquivos e museus.Orientação de Trabalhos Acadêmicos. Grupos de Pesquisa: Participa como pesquisadora do grupo "Estudos Avançados em Informação" na UFMT e Vice líder do grupo "MIL - Mediação da Informação e Leitura" na FURG - http://dgp.cnpq.br/dgp/faces/consulta/consulta_parametrizada.jsf. Atualmente é professora Colaboradora do Curso de Biblioteconomia da Universidade Federal do Rio Grande-FURG - RS.

Downloads

Publicado

2020-05-16

Como Citar

Pinheiro, M. I. da S., & Ramires, D. D. (2020). Biblioterapia: das dissertações e teses aos cursos de Biblioteconomia no Brasil. Ciência Da Informação Em Revista, 7(1), 153–167. https://doi.org/10.28998/cirev.2020v7n1j

Edição

Seção

Relatos de Pesquisa | Research Reports

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)

Artigos Semelhantes

<< < 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14 > >> 

Você também pode iniciar uma pesquisa avançada por similaridade para este artigo.