Juventude, política e consumo: imagens juvenis na publicidade brasileira a partir de 1964

Autores

  • Maria Eduarda da Mota Rocha UFPE

DOI:

https://doi.org/10.28998/lte.2010.n.1.814

Palavras-chave:

Juventude, Publicidade, Ética Romântica

Resumo

No Brasil, desde a década de 1960, a assimilação da juventude pela publicidade deu-se em duas frentes. Por um lado, jovens influenciados pelas contraculturas e pelo clima de mobilização política foram incorporados à indústria da publicidade para trabalhar com pesquisa e criação. Por outro lado, nos anúncios, os jovens passaram a encarnar uma promessa de felicidade perfeitamente integrada à sociedade capitalista. Este artigo trata desse duplo processo a partir da análise de revistas do meio publicitário e de anúncios publicados na revista Veja, entre 1968 e 2001.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2018-05-17

Como Citar

ROCHA, Maria Eduarda da Mota. Juventude, política e consumo: imagens juvenis na publicidade brasileira a partir de 1964. Latitude, Maceió-AL, Brasil, v. 4, n. 1, 2018. DOI: 10.28998/lte.2010.n.1.814. Disponível em: https://seer.ufal.br/index.php/latitude/article/view/814. Acesso em: 25 jul. 2024.

Edição

Seção

Artigos

Artigos Semelhantes

1 2 3 > >> 

Você também pode iniciar uma pesquisa avançada por similaridade para este artigo.