Turismo de experiência e artesanato: um estudo sobre a produção artesanal em Capela Nova – MG

André Luís Martin Araújo, Robson de Santana Silva, Renata Silva Santos Camargo

Resumo


Resumo: O presente artigo teve como objetivo identificar as possibilidades e limitações existentes em torno da produção artesanal existente no município de Capela Nova – MG, a partir da análise do artesanato local enquanto possível recurso turístico capaz de agregar valor à oferta regional. Para tanto, realizou-se uma pesquisa descritiva, com abordagem qualitativa e entrevistas estruturadas. Dada a importância do assunto e com base no número de artesãs que deixaram de produzir seus trabalhos artesanais, realizou-se também entrevistas com as ex-artesãs e com um fornecedor local de matéria prima. Dentre os achados, identificaram-se as oportunidades em torno da produção artesanal de tear, única na região do Circuito Turístico de Villas e Fazendas de Minas, bem como a receptividade das artesãs em futuramente oferecer o turismo de experiência, uma vez que estas reconhecem no mesmo uma possibilidade de aumento de suas vendas e continuidade de suas atividades. Entre as limitações, foram identificados o baixo nível de renda e a baixa escolaridade das artesãs, o que sugere a necessidade de maior apoio do poder público municipal para o desenvolvimento do turismo.


Palavras-chave


Turismo de experiência- Regionalização do Turismo - Artesanato – Renda

Texto completo:

PDF



Locations of visitors to this page

Revista Iberoamericana de Turismo - RITUR Penedo, Alagoas, Brasil. ISSN: 2236-6040.


Licença Creative Commons
Os originais publicados na Revista Iberoamericana de Turismo estão disponibilizados de acordo com uma Licença Creative Commons 3.0 Brasil (obrigatoriedade de atribuição de créditos/vedado uso comercial/vedada criação de obras derivadas/permitida citação referenciada).