Preceitos Éticos no Comportamento do Bibliotecário Empreendedor

Crichyna da Silva Madalena, Daniela Spudeit

Resumo


Apresenta reflexões sobre o comportamento ético do bibliotecário no que tange às atividades empreendedoras ligadas à gestão da informação. Para isso, apresenta-se conceitos e um breve histórico sobre empreendedorismo, discorre sobre o empreendedorismo dentro da Biblioteconomia e a ética profissional. A fim de cumprir a presente proposta, a pesquisa se caracteriza por ser um estudo bibliográfico que contextualiza os preceitos éticos para o bibliotecário empreendedor à luz do Código de Ética Profissional (Resolução n.º 42/2001) e da literatura especializada da área. Conclui-se que o bibliotecário deve reunir o conhecimento adquirido à prática empreendedora com comportamento ético, uma vez que, atuação desse profissional concede valores que vão de encontro com o código de ética da profissão. A ética estimula a conduta humana como forma de satisfação e é um elemento importante para o convívio em sociedade propiciando valores como igualdade e justiça. Dessa forma, o bibliotecário empreendedor deve ter seu comportamento pautado em atitudes éticas para o desenvolvimento e reconhecimento da profissão prestando serviços com qualidade, honestidade e respeito à coletividade.

Palavras-chave


Empreendedorismo. Empreendedorismo na Biblioteconomia. Ética. Código de Ética. Comportamento ético - Bibliotecário.

Texto completo:

PDF

Referências


ALMEIDA JUNIOR, O. F. Mediação da informação: ampliando o conceito de disseminação. In. VALENTIM, M. L. P. Gestão da informação e do conhecimento no âmbito da Ciência da Informação. São Paulo: Polis: Cultura Acadêmica, 2008. p. 41-54.

ARANALDE, M. M. A questão ética na atuação do bibliotecário. Em questão, Rio Grande do Sul, v. 11, n.2, 2005. Disponível em: . Acesso em: 28 fev. 2016.

BAPTISTA, S. G. Profissional da informa-ção, autônomo ou empresário, novas perspectivas de mercado de trabalho. Perspectiva em Ciência da Informação, Belo Horizonte, v. 5, n. 1, p. 91-98, jan./jun. 2000. Disponível em: . Acesso em: 28 fev. 2017.

BEZERRA, F. M. P. Empreendedorismo na biblioteconomia em tempos de conexões digitais: o caso da marca t-shirts mural. RBBD. Revista Brasileira de Biblioteco-nomia e Documentação, São Paulo, v. 11, p. 224-237, maio 2015. Disponível em: . Acesso em: 28 fev. 2017.

BRASIL. Lei n.° 4.084, de 30 de junho de 1962. Dispõe sobre a profissão de bibliotecário e regula seu exercício. Diário Oficial [da] Republica Federativa do Brasil. Brasília, DF, v. 1, n. [?], Seção I, 02 jul. 1962. p. 7149.

BRASIL. Decreto n.° 56.725, de 16 de agosto de 1965. Regulamenta a Lei nº 4.084, de 30 de junho de 1962, que dispõe sobre o exercício da profissão de Bibliotecário. Diário Oficial [da] Republica Federativa do Brasil, Brasília, DF, v. 6, n. [?]. Seção I, 19 ago. 1965. p. 8366.

CONSELHO FEDERAL DE BIBLIOTECONOMIA. Código de ética do bibliotecário brasileiro. 2002. Disponível em: . Acesso em: 31 out. 2016.

CONTI, D. L.; PINTO, M. C. C.; DAVOK, D. F. O perfil do bibliotecário empreendedor. Revista ACB, [S.l.], v. 14, n. 1, p. 27-46, março, 2009. Disponível em: . Acesso em: 02 mar. 2017.

DEGEN, R. J. O empreendedor: empreender como opção de carreira. São Paulo: Pearson Pretince Hall, 2009.

DORNELAS, J. C. A. Empreendedorismo: transformando ideias em negócios. 6. ed, Rio de Janeiro, Editora Elsevier, 2016.

FONSECA, S. D.; MOTA, F. R. L. O empreendedorismo no contexto da formação do Bibliotecário da Universidade Federal de Alagoas. Ciência da Informação em Revista, Maceió, v. 3, n. 2, p. 3-9, maio/ago. 2016. Disponível em: . Acesso em: 30 set. 2017.

GONÇALVES, P. E. C. Bibliotecário empreendedor. TCC (Graduação em Biblioteconomia) - Universidade Federal de Santa Catarina, Florianópolis, 2009. Disponível em: . Acesso em: 01 out. 2017

GUIMARÃES, J. A. C. O profissional da informação sob o prisma de sua formação. In: VALENTIM, M. L. P. (Org.). O profissional da informação: formação, perfil e atuação profissional. São Paulo: Polis, 2000. P.53-70.

LAURINDO, K. R. et al. Empresas criadas por bibliotecários no Brasil: uma análise em relação ao perfil e ramos de atuação. Revista ACB, [S.l.], v. 21, n. 3, p. 676-696, dez. 2016. Disponível em: . Acesso em: 28 fev. 2017.

NASH, L. Ética nas empresas: boas intenções à parte. São Paulo: Makron Books, 1993.

NASCIMENTO, B. F. do; FREITAS, A. A. Empreendedor: perfil, habilidades, comportamento ético e atitudes empreendedoras. In: SPUDEIT, D. Empreendedorismo na biblioteconomia. Rio de Janeiro: Agência Biblioo. 2016. p. 28-41.

PINEDA, E. S.; MARROQUÍN, J. A. C. Ética nas empresas. Porto Alegre: AMGH, 2011.

PIZARRO, D. C. Ética profissional do bibliotecário atuante no segmento empresarial de Santa Catarina. Liinc em Revista, v.7, n.1, mar. 2011, Rio de Janeiro, p. 231-247. Disponível em: . Acesso em: 02 mar. 2017.

ROCHA, L. C. S.; MARIANO, A. D.; PE-LOGIO, E. A. Diagnóstico da Economia Informal no Município de Poço Fundo/MG. Revista Administração em Diá-logo, v.18, n.2, 34-58, 2016. Disponível em: . Acesso em: 28 fev. 2017.

ROMEIRO, N. L.; SPUDEIT, D. A formação do bibliotecário empreendedor com foco na gestão de serviços de informação. In: SPUDEIT, D. Empreendedorismo na Biblioteconomia. Rio de Janeiro: Agência Biblioo. 2016. p. 94-111.

ROSSETTI, J. P. A capacidade empresarial: a energia mobilizadora. In: Introdução à economia. 17. ed. São Paulo: Atlas, 1999.

SANTA ANNA, J. O bibliotecário em face das transformações sociais: de guardião a um profissional desinstitucionalizado. Revista ACB, Florianópolis, v. 20, n. 1, p. 138-157, abr. 2015. Disponível em: < https://revista.acbsc.org.br/racb/article/view/985>. Acesso em: 01 mar. 2017.

SARAIVA, Pedro Manuel. Empreendedorismo: do conceito à aplicação, da ideia ao negócio, da tecnologia ao valor. 2. ed. ed. Coimbra, 2011.

SILVEIRA, J. O. P. B. Entrepreneurial training in the curriculum library courses in southern brazil. Biblionline, v. 8, n. 1, 2012. Disponível em: . Acesso em: 31 Out. 2016.

SILVEIRA, J. P. B. Formação empreendedora nos currículos dos cursos de Biblioteconomia na região sul do Brasil. Biblioline. v. 8, n. 1, jan./jun.2012. Disponível em: . Acesso em: 28 fev. 2017.

SINGER, P. Ética Prática. São Paulo: Martins Fontes. 2002.

SPUDEIT, D. (Org.). Empreendedorismo na biblioteconomia. Rio de Janeiro: Agência Biblioo. 2016.

SPUDEIT, D. Empreendedorismo na Biblioteconomia: Ensino, formação e atuação. Rio de Janeiro, 2013. Trabalho não publicado. 1997.






Direitos autorais 2019 Os autores são detentores dos direitos autorais e concedem à Ciência da Informação em Revista o direito de publicação simultaneamente disponibilizada de acordo com uma Licença Creative Commons 4.0 Internacional.


Ciência da Informação em Revista | E-ISSN 2358-0763 | Citações no Google Acadêmico

        

Programa de Pós-Graduação em Ciência da Informação

Instituto de Ciências Humanas, Comunicação e Artes

Universidade Federal de Alagoas, Campus A. C. Simões
Av. Lourival Melo Mota, s/n, Tabuleiro dos Martins, Maceió, Alagoas, Brasil
CEP: 57072-900 | Telefone: +55 82 3214 1342 | e-mail: cirev@ichca.ufal.br

 

Este periódico é afiliado à Associação Brasileira de Editores Científicos.


 Os originais publicados na Ciência da Informação em Revista estão disponibilizados de acordo com uma Licença Creative Commons - Atribuição 4.0 Internacional.