A resistência literária da mulher preta na busca do seu lugar na universidade: análise discursiva da poesia Universo das Saias, de Elizandra Souza

Autores

  • Liliane Rodrigues de Albuquerque Alvim Universidade Federal do Espírito Santo - UFES

DOI:

https://doi.org/10.28998/2317-9945.202375.50%20-%2065

Resumo

Procuramos refletir neste artigo acerca da resistência política da mulher preta a partir da literatura como meio de luta contra a segregação e a desigualdade, em um contexto brasileiro de fissuras socioeconômicas e de gênero, que relega historicamente a ela um lugar de constante tentativa de subjugação pela sociedade – heranças coloniais e patriarcais. O acesso à universidade se apresenta a essa mulher como uma das únicas formas de mobilidade social e de ocupação de espaços de poder, essencialmente preenchidos por homens brancos. Mobilizando noções da análise de discurso de Michel Pêcheux, de viés materialista, percebemos marcas na materialidade discursiva que apontam que a ferida da escravidão se encontra aberta e sangrando no Brasil, mas que existe, também, esperança de mudança a partir da educação universitária. Esses efeitos de sentido demonstram uma formação discursiva que não se enquadra à ideologia da extrema direita, dominante na época da publicação da obra e até o momento no poder, mas, apesar disso, percebemos no discurso da poeta fragmentos dessa ideologia em algumas escolhas lexicais, o que demonstra a efetividade do ideológico no assujeitamento dos sujeitos e a manutenção de uma (falsa) transparência de discursos machistas e conservadores, interessantes à classe dominante.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Liliane Rodrigues de Albuquerque Alvim, Universidade Federal do Espírito Santo - UFES

Mestranda em Estudos Linguísticos pelo Programa de Pós-Graduação em Linguística – PPGEL – da Universidade Federal do Espírito Santo – UFES – (linha de Estudos sobre Texto e Discurso), especialista em Educação e Direitos Humanos pela mesma instituição (2017), especialista em Informática na Educação pelo Instituto Federal do Espírito Santo –IFES – (2012), graduada em Letras-Português pela mesma instituição (2020) e graduada em Tecnologia em Processos Gerenciais pela Universidade Norte do Paraná – UNOPAR – (2009). É integrante do Grupo de Estudos Sobre Discurso e Ideologia – GRUDI/UFES (CNPQ).

Downloads

Publicado

2023-04-28

Como Citar

RODRIGUES DE ALBUQUERQUE ALVIM, Liliane. A resistência literária da mulher preta na busca do seu lugar na universidade: análise discursiva da poesia Universo das Saias, de Elizandra Souza: . Leitura, [S. l.], v. 1, n. 75, p. 50–65, 2023. DOI: 10.28998/2317-9945.202375.50 - 65. Disponível em: https://seer.ufal.br/index.php/revistaleitura/article/view/14145. Acesso em: 28 fev. 2024.