Da institucionalização do autoritarismo à mitigação da identidade

dois momentos da distopia em Philip K. Dick

Autores

Resumo

Este trabalho busca analisar dois momentos da distopia escrita por Philip K Dick. Detivemo-nos a dois contos do pós-Segunda Guerra Mundial: Foster, você já morreu e O enforcado desconhecido, ambos do início da década de 1950. Com Foster, buscou-se mostrar como o desejo é construído e manipulado por agentes de uma sociedade reorganizada em torno de uma pretensa ideia de paz. Em O enforcado, a invasão alienígena e a substituição de corpos são utilizadas para se questionar os valores vigentes da época. Para as análises, nos valemos dos estudos de Goffman (2002, 1967), de Booker (2001) e de Roberts (2016).

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Pétrus David Sousa Patricio, Universidade Regional do Cariri (URCA)

Graduando do curso de Letras, com licenciatura dupla em Língua Inglesa e suas Literaturas, pela Universidade Regional do Cariri (URCA), membro do Núcleo de Estudo de Teoria Linguística e Literatura (NETLLI). Desenvolve pesquisas nas áreas de literatura inglesa e norte-americana, com enfoque nas produções dos gêneros de terror e ficção científica, intermidialidade (observando as relações entre literatura, cinema e televisão), a partir de abordagens psicanalíticas e bakhtinianas.

Downloads

Publicado

2023-12-05

Como Citar

SOUSA PATRICIO, Pétrus David. Da institucionalização do autoritarismo à mitigação da identidade: dois momentos da distopia em Philip K. Dick. Leitura, [S. l.], v. 1, n. 79, p. 161–175, 2023. Disponível em: https://seer.ufal.br/index.php/revistaleitura/article/view/15853. Acesso em: 28 fev. 2024.