SÃO CRISTÓVÃO E DIVINA PASTORA: LOCUS DO TURISMO RELIGIOSO EM SERGIPE-BRASIL

Ivan Rêgo Aragão, Janete Ruiz de Macedo

Resumo


O presente trabalho busca analisar a relação entre religiosidade e turismo nos dois principais núcleos de romaria no estado de Sergipe: São Cristóvão e Divina Pastora. E perceber a religião como fazendo parte da cultura. A metodologia utilizada foi pesquisa bibliográfica, embasada no aporte teórico-conceitual sobre Sagrado e Profano, Religiosidade, Turismo Religioso, Procissão e a pesquisa de campo. Ao estudar o turismo religioso no período destes acontecimentos, percebe-se que, nos dois locais citados, o deslocamento das pessoas é muito mais de ordem simbólica e espiritual, do que pelo prazer de viajar. Nos casos estudados, as questões referentes à infraestrutura turística não são relevantes, visto que, está na tradição de ambas às festas, a exteriorização dos sentimentos de sacrifício e de despojamento material.       


Palavras-chave


Turismo. Religiosidade. Nosso Senhor dos Passos. Nossa Senhora Divina Pastora.

Texto completo:

PDF



Locations of visitors to this page

Revista Iberoamericana de Turismo - RITUR Penedo, Alagoas, Brasil. ISSN: 2236-6040.


Licença Creative Commons
Os originais publicados na Revista Iberoamericana de Turismo estão disponibilizados de acordo com uma Licença Creative Commons 3.0 Brasil (obrigatoriedade de atribuição de créditos/vedado uso comercial/vedada criação de obras derivadas/permitida citação referenciada).