O “som” como figura vocal e o “som” como signo: considerações a partir da dupla essência da linguagem

Autores

DOI:

https://doi.org/10.28998/2317-9945.2019v1n62p69-85

Palavras-chave:

Figura vocal, Signo, Forma, Dupla essência

Resumo

Este artigo propõe-se a discutir, a partir do conjunto de manuscritos intitulado De la double essence du langage, a que se refere esta dupla essência reiterada pelo linguista Ferdinand de Saussure. Lançaremos mão, assim, da leitura da edição crítica organizada por Amacker (SAUSSURE, 2011), levantando os seguintes questionamentos: o que é essencial para que um sistema linguístico tenha existência? O dado material é relevante para a construção do fato linguístico? Qual a diferença entre considerar-se o “som” como figura vocal e o “som” como signo? Optou-se por partir das ocorrências de "figura vocal" no decorrer das considerações de Saussure a fim de compreender mais amplamente o papel da figura vocal e sua relação com o conceito de forma. A problematização destas noções oportuniza a reflexão acerca do laço indissolúvel entre forma e sentido nos estudos saussurianos, assim como realça o importante papel do aspecto material vinculado a sua função significante.

 

The “sound” as vocal figure and the “sound” as sign: considerations based on the double essence of language

This article intends to discuss what the dual essence reiterated by linguist Ferdinand de Saussure refers to, based on the set of manuscripts titled De la double essence du langage. We will thus use the interpretation of the critical edition organized by Amacker (SAUSSURE, 2011), raising the following questions: what is essential for a linguistic system to exist?  Is material data relevant to the construction of the linguistic fact?  What is the difference between considering the "sound" as a vocal figure and "sound" as a sign? We chose to start from the occurrences of "vocal figure" in Saussure's considerations in order to more comprehensively understand the role of the vocal figure and its relation to the concept of form. The questioning of these notions enables the reflection on the indissoluble link between form and meaning in Saussurean studies and highlights the important role of the material aspect linked to its significant function.

Keywords: Vocal figure. Sign. Form. Dual essence

 

DOI: 10.28998/2317-9945.2019v1n62p69-85

Biografia do Autor

Aline Vargas Stawinski, Universidade Federal do Rio Grande do Sul

Mestra e doutoranda em Estudos da Linguagem com ênfase em análises textuais, discursivas e enunciativas (PPG Letras/UFRGS)

Downloads

Publicado

04/12/2018

Como Citar

STAWINSKI, A. V. O “som” como figura vocal e o “som” como signo: considerações a partir da dupla essência da linguagem. Leitura, [S. l.], v. 1, n. 62, p. 69–85, 2018. DOI: 10.28998/2317-9945.2019v1n62p69-85. Disponível em: https://seer.ufal.br/index.php/revistaleitura/article/view/4933. Acesso em: 17 ago. 2022.